EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Juliette Binoche no último filme da espanhola Isabel Coixet

Juliette Binoche no último filme da espanhola Isabel Coixet
Direitos de autor 
De  Euronews com NãO ESCOLHO UM FILME POR O REALIZADOR SER UM HOMEM OU UMA MULHER. O QUE CO
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

A abertura do festival internacional de cinema começou esta quinta-feira com um desfile de estrelas. A atriz francesa Audrey Tautou é um dos

PUBLICIDADE

A abertura do festival internacional de cinema começou esta quinta-feira com um desfile de estrelas. A atriz francesa Audrey Tautou é um dos elementos do júri presidido pelo realizador Darren Aronofsky.

Juliette Binoche fez as delícias dos fotógrafos. A atriz francesa incarna o papel principal no último filme da espanhola Isabel Coixet. A longa-metragem “Nadie quiere la noche” é um dos dezoito filmes em competição.

“Não escolho um filme por o realizador ser um homem ou uma mulher, o que conta é o artista. A Isabel Coixet é uma verdadeira artista”, sublinhou Binoche.

A realizadora espanhola conta a
história de Josephine, a mulher do explorador polar Robert Peary. A ação desenrola-se no início do século XX na Gronelândia.

A realizadora espanhola admite que não foi fácil trabalhar no meio da neve.

“Se o filme assim o exigir, é preciso filmar ao frio, sem casa de banho, sem comida e sem café. na vida real prefiro a praia”.

Portugal também faz parte da programação. Joaquim Pinto e Nuno Leonel mostram uma nova versão do documentário Rabo de Peixe. João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata apresentam a curta-metragem, Iec Long, numa secção paralela do festival.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Os grandes filmes dos Prémios do Cinema Europeu 2023

Monica Bellucci leva Maria Callas ao Festival de Cinema de Salónica

Realizador alemão Wim Wenders recebe Prémio Lumière em Lyon