EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Novo "Shaft" apresentado em Nova Iorque

Novo "Shaft" apresentado em Nova Iorque
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Desta vez, o filme é uma comédia de ação onde são protagonistas o Shaft original, Richard Roundtree, o mais recente Shaft, Samuel L. Jackson, e o novo Shaft, Jessie T. Usher.

PUBLICIDADE

Shaft, o icónico herói negro dos anos 70 está de regresso às salas de cinema com uma nova geração ao lado.

Desta vez, o filme é uma comédia de ação centrada em torno do mais jovem Shaft, que mistura o seu conhecimento académico com a escola de vida do pai e do avô.

O original Shaft, Richard Roundtree, o mais recente Shaft, Samuel L. Jackson, o novo Shaft, Jessie T. Usher, assim como Reginal Hall, que interpreta a ex-esposa de Shaft II e a mãe de JJ, e Alexandra Shipp, que na película é alvo do amor de Shaft Jr, estiveram juntos no tapete vermelho, em Nova Iorque, para estrear a mais recente sequela de Shaft.

O produtor John Davis quis que este Shaft se afastasse do género de ação e aventura.

0.49 SOUNDBITE (English) Samuel L. Jackson

"John Davis (o produtor do filme) veio ter comigo e disse: 'Queremos fazer uma comédia'. Eu respondi: 'Mas, é Shaft, sabes? Ação e aventura.' Ele disse ´ Bem, comédia de ação``. .Eu disse: 'OK, tudo bem. Desde que não façamos dele um palhaço, podemos ver o que fazemos` . E ele disse: ´ Bem, três gerações de Shaft. Um filho que anda meio desligado e tú tens de lhe ensinar como ser um Shaft`. E eu respondi:'Oh, isso pode ser divertido.'," recordou o ator Samuel L. Jackson.

A música sempre teve um papel importante nos Shaft. No primeiro, a música icónica de Isaac Hayes ganhou dois Grammys e um Oscar

"Foi muito divertido porque eu sabia que estava a lidar com três gerações e, decididamente, íamos ter o tema 'Shaft' nele. Eu sou um viciado em hip hop da velha escola e na velha escola R&B. Logo depois de conhecer Sam e ler o guião, começas a pensar: "Como representar a música neste filme?" Espero que toda agente tenha tanto prazer quanto eu ao criar esta seleção. Faço figas," revelou o realizador Tim Story.

O filme começa a chegar às salas de cinema em meados deste mês. No final de junho fica disponível na Netflix fora dos EUA.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Os grandes filmes dos Prémios do Cinema Europeu 2023

Monica Bellucci leva Maria Callas ao Festival de Cinema de Salónica

Realizador alemão Wim Wenders recebe Prémio Lumière em Lyon