EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Arte ou pornografia? Estátua de David gera controvérsia em escola dos EUA

Angela Merkel e Matteo Renzi aos pés da estátua de David, Florença
Angela Merkel e Matteo Renzi aos pés da estátua de David, Florença Direitos de autor Antonio Calanni/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor Antonio Calanni/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Anca Ulea com AP
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A cidade de Florença saiu em defesa do David de Miguel Ângelo, após a controvérsia com pais de alunos numa escola da Flórida

PUBLICIDADE

Com mais de 5 metros de altura, a imponente escultura de mármore de Miguel Ângelo representando a figura bíblica de David é uma das obras de arte mais reconhecidas no mundo.

Foi encomendada pela Ópera del Duomo em Florença, no final do século XV, e levou mais de dois anos a ser concluída pelo mestre italiano. Hoje, a escultura gigante nua é um símbolo do auge da Renascença italiana.

Mas para alguns pais numa escola no estado americano da Florida, não é mais do que pornografia barata - e certamente não é algo que os seus filhos devam ver ou estudar na escola.

Após uma aula do sexto ano na Escola Clássica Tallahassee, imagens do David de Miguel Ângelo motivaram queixas de vários pais, que forçaram a diretora a demitir-se, e a cidade de Florença a saltar em defesa do David.

A resposta de Florença foi: Se pensam que David é pornográfico, porque não vêm vê-lo vocês mesmos?

Florença mantém-se firme

Tal como David lutou contra Golias armado apenas com a sua fé em Deus, Florença está a enfrentar as guerras culturais da América com determinação e mais do que um pouco de incredulidade.

Cecilie Hollberg, diretora da Galleria dell'Accademia, onde reside a estátua de David, expressou estupefação perante a controvérsia.

"Pensar que David poderia ser pornográfico significa verdadeiramente não compreender o conteúdo da Bíblia, não compreender a cultura ocidental e não compreender a arte renascentista", disse Hollberg numa entrevista à Associated Press.

Hollberg convidou o diretor da Escola Clássica Tallahassee, a direção da escola, os pais e o corpo estudantil a verem a "pureza" da estátua.

O presidente da câmara de Florença, Dario Nardella, também fez um tweet para que o presidente do Conselho Escolar de Tallahassee Classical o visitasse para que pudesse honrar a estátua pessoalmente. Confundir arte com pornografia foi "ridículo", escreveu.

A resposta italiana incrédula realçou como as guerras culturais dos EUA são frequentemente vistas na Europa, onde apesar de um crescimento da direita e radicalização dos discursos, o Renascimento e as suas obras-primas, mesmo os nus, não suscitam controvérsia.

A primeira página de domingo da publicação diária italiana Corriere della Sera apresentava um cartoon do seu principal cartoonista, representando David com os genitais cobertos por uma imagem do Tio Sam e a palavra "Vergonha".

A história da censura de David

O presidente do conselho escolar de Tallahassee Classical, Barney Bishop, disse aos repórteres que embora a fotografia da estátua tenha desempenhado um papel na expulsão da diretora Hope Carrasquilla, não foi o único fator, mas recusou-se a esclareer, enquanto defendia a decisão.

"Os pais têm o direito de saber sempre que os seus filhos estejam a ser ensinados sobre um tema ou uma fotografia controversos", disse Bishop numa entrevista à revista online Slate. "No ano passado, a escola enviou um aviso prévio sobre o assunto. Os pais devem saber: Nas aulas, os alunos vão ver, ouvir ou falar sobre isto. Este ano, não enviámos esse aviso".

Não é a primeira vez que o David de Miguel Ângelo suscita controvérsia pela nudez.

PUBLICIDADE

Quando a estátua foi revelada pela primeira vez, a némesis de Miguel Ângelo, Leonardo da Vinci, sugeriu que David se cobrisse com uma tanga. Diz-se que uma réplica de David oferecida à Rainha Vitória foi tão chocante para a soberana que foi encomendada uma folha de figueira proporcionalmente exata para cobrir os pedaços inferiores da estátua.

Mais recentemente, uma réplica em 3D de David apresentada na Expo 2020, no Dubai, causou agitação em Itália porque os genitais da estátua foram escondidos por uma estrutura envolvente.

Quanto ao drama americano, Os Simpsons parecem ter previsto mais uma vez o futuro. Num episódio da série animada norte-americana, que foi para o ar em 1990, uma multidão furiosa protestava contra a exibição de David, em Springfield.

"É imundície", diz uma das mães indignadas a Marge Simpson. "Retrata graficamente partes do corpo humano, que por muito práticas que sejam, são más".

PUBLICIDADE
Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Cabra de cerâmica do rei Carlos III é vendida em leilão por 13 000 euros

Dos ursos polares aos dragões de lava: as fotos dos Drone Photo Awards 2024 vão deixá-lo de queixo caído

Exposição mostra o génio sempiterno de Michelangelo