Morreu o artista plástico Fernando Botero

Fernando Botero em 2005
Fernando Botero em 2005 Direitos de autor FRANCOIS MORI/AP2005
Direitos de autor FRANCOIS MORI/AP2005
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O pintor e escultor colombiano, morto aos 91 anos, ficou famoso pelas representações de personagens de formas voluptuosas.

PUBLICIDADE

Fernando Botero morreu esta sexta-feira aos 91 anos. O artista plástico colombiano, conhecido pelas pinturas e esculturas de figuras voluptuosas, morreu em casa, no Mónaco, onde recuperava de uma pneumonia.

Botero nasceu em Medellín em 1932 e deixa uma marca incontornável na história da arte.

Após a sua morte, foi descrito pelo Presidente colombiano, Gustavo Petro, como "o pintor das nossas tradições e defeitos, o pintor das nossas virtudes, o pintor da nossa violência e da paz."

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Fantasmas do Passado: A artista Mónica de Miranda mergulha na história colonial de Portugal

Bienal de Veneza: Leão de Ouro para a Austrália e o coletivo Maori Mataaho

Bienal de Veneza abre ao público e espera o Papa - e há mão portuguesa no Pavilhão do Vaticano