População da União Europeia está em queda

Access to the comments Comentários
De  Alice Tidey
Os europeus fazem menos bebés, de acordo com relatório
Os europeus fazem menos bebés, de acordo com relatório   -   Direitos de autor  AP Photo/Thierry Charlier)

A população da União Europeia (UE) está a diminuir, revelam os últimos números oficiais.

De acordo com o relatório anual Demografia da Europa divulgado pelo Eurostat, o gabinete de estatísticas da União Europeia, o número de pessoas que vivem no bloco de 27 Estados-membros caiu 278 mil nos 12 meses até 1 de janeiro de 2021, atingindo os 447,2 milhões.

A queda da população ocorre após quase duas décadas de crescimento. Em 2001, havia 429 milhões de pessoas em toda a União Europeia.

A mudança natural da população – a diferença entre nados vivos e mortes – afundou em 2020 para -2,5. Isso deve-se, provavelmente, à Covid-19, porque a pandemia até agora matou oficialmente cerca de 1,09 milhões de pessoas em toda a UE.

Mas a mudança natural da população no bloco tem sido negativa desde 2012, à medida que nascem menos nados-vivos – a taxa passou de 10,2 nados-vivos por mil habitantes em 2001 para 9,1 – enquanto a taxa de mortalidade aumentou no mesmo período.

As pessoas com mais de 65 anos representam, agora, um quinto da população do bloco, enquanto o número de pessoas com 80 anos ou mais duplicou nas últimas duas décadas, de 3% em 2001 para 6%. Enquanto isso, o número de menores de idade diminuiu de 23% em 2001 para 20% em 2021.

Os dados do Eurostat revelam também que há cerca de 5% mais mulheres do que homens e que o rácio é particularmente evidente nos Estados Bálticos. Na Letónia, Lituânia e Estónia há 16%, 13% e 10% mulheres a mais do que os homens, respetivamente.

Há, no entanto, Estados-Membros que contam com mais homens do que mulheres. Casos de Malta, Luxemburgo, Suécia e Eslovénia.

As mulheres também vivem em média 5,6 anos a mais que os homens. Dados provisórios para 2021 colocam a esperança média de vida ao nascer em 82,8 anos para mulheres e 77,2 anos para os homens.

Veja o vídeo acima para conhecer mais detalhes.