EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Threads alcança mais de dez milhões de utilizadores nas primeiras horas

Logos do Twitter e do Threads. Está aberta a "guerra" entre as duas redes sociais.
Logos do Twitter e do Threads. Está aberta a "guerra" entre as duas redes sociais. Direitos de autor AP Photo/Richard Drew
Direitos de autor AP Photo/Richard Drew
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O Threads, o rival do Twitter na Meta, reuniu mais de dez milhões de utilizadores nas primeiras horas após o lançamento, apesar de ainda não estar disponível na Europa.

PUBLICIDADE

A nova rede social abriu com uma mensagem de boas-vindas do criador, Mark Zuckerberg, e rapidamente acumulou subscritores. "Vamos a isto. Bem-vindos ao Threads", escreveu o patrão da Meta.

Matt Navarra, consultor de redes sociais, comenta: "Penso que a chave para o Meta será o facto de atrair o maior número de pessoas o mais rapidamente possível. Torná-lo tão acessível quanto possível. Ter criadores de conteúdos e conteúdos que apelem a um público alargado e que as marcas sintam que é um espaço seguro para continuarem a fazer o que têm tentado fazer e o que têm conseguido fazer até há pouco tempo no Twitter.

O lançamento acontece poucos dias depois de o Twitter ter sofrido o seu último revés desde que foi adquirido por Elon Musk. O Twitter tem vindo a perder muitos utilizadores devido a decisões controversas, incluindo despedir equipas de moderação e transformar a verificação de contas num serviço pago.

A aplicação, que foi lançada às 23h00 GMT de quarta-feira, em 100 países, e que atualmente funciona sem publicidade, é o maior desafio para o Twitter.

Várias celebridades como Jennifer Lopez, Shakira e Hugh Jackman já abriram contas, no Threads, assim como a Netflix e os jornais Washington Post, Reuters e The Economist.

O Threads só estará disponível na UE depois de a Meta clarificar as consequências do novo Regulamento dos Mercados Digitais (RMD) do bloco, que entrou em vigor em maio.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ataques disruptivos duplicam na UE nos últimos meses, diz chefe de segurança cibernética

Está à procura de um artigo online de 2013? Pode ter desaparecido por culpa deste fenómeno

OpenAI suspende voz do ChatGPT que era "estranhamente parecida" com a da atriz Scarlett Johansson