Aprender em cenários de conflito

Aprender em cenários de conflito
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

De acordo com a UNICEF, nos países separados por conflitos armados, 39 milhões de crianças não fazem sequer o primeiro ciclo. E regressar à escola não é fácil. Esta semana olhamos tentativas de educar estas crianças nas situações mais difíceis. Vamos à Costa do Marfim, Somália e Gaza.

Costa do Marfim: de volta à escola

Abidjan, Costa do Marfim. As eleições presidenciais, no final de 2010, acabaram em violência por todo o país e o sistema educativo deixou de existir.

No pico da crise, mais de um milhão de crianças registadas não frequentava a escola. A calma foi restabelecida e as escolas reabriram, mas nem todos os bancos das salas de aulas são facilmente ocupados.

unicef

Somália: Regressar a casa

Na Somália, país devastado pela guerra civil, o sistema educativo também foi destruído. A falta de investimento, de professores habilitados e de recursos fez da aprendizagem uma batalha para muitos estudantes.

Mas um projeto está a levar professores somalis de volta ao seu país para ajudarem o Ministério da Educação a reconstruir e desenvolver todo o sistema.

africa

Gaza: vencer desafios

Nos territórios palestinianos a violência e o conflito resultaram numa instrução limitada e péssimas condições de vida para muitas pessoas em Gaza.

Mas há um projeto, Al Fakoora, que está a resolver alguns dos problemas, através da reconstrução, reabilitação psicológica e atribuição de bolsas de estudos.

fakhoora

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Agência Humanitária da ONU na Palestina alerta para "ponto de rutura" em todas as atividades

Israel pretende controlo completo de Gaza, segundo plano para o pós-guerra

Dois anos após invasão russa, ucranianos enfrentam situação muito difícil no Donbass