A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Moção de censura à Comissão Europeia foi chumbada

Moção de censura à Comissão Europeia foi chumbada
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os eurodeputados rejeitaram a moção de censura à Comissão Europeia numa votação em sessão plenária, esta quinta-feira, em Estrasburgo.

A moção teve 461 votos contra, 101 a favor e 88 abstenções, tendo sido apresentada por 76 eurodeputados do grupo Europa da Liberdade e da Democracia Direta, na sequência do escândalo LuxLeaks.

Os proponentes consideram que Jean-Claude Juncker deixou de ter condições para presidir ao executivo europeu porque era primeiro-ministro do Luxemburgo no período em que foram feitos acordos com multinacionais que permitiram práticas de elisão fiscal.

Mas Juncker continua a ter o apoio dos partidos moderados e a moção foi chumbada.