Nigéria: 35 soldados condenados à morte por recusarem combater grupo Boko Haram

Nigéria: 35 soldados condenados à morte por recusarem combater grupo Boko Haram
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Trinta e cinco soldados nigerianos foram condenados à morte por rebelião, depois de terem recusado participar numa operação contra o grupo islamita

PUBLICIDADE

Trinta e cinco soldados nigerianos foram condenados à morte por rebelião, depois de terem recusado participar numa operação contra o grupo islamita Boko Haram.

A sentença do tribunal militar coincide com as denúncias de vários soldados da falta de equipamento e munições para fazer face aos tanques e artilharia pesada do grupo armado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Morreu o estilista Roberto Cavalli aos 83 anos

Sete pessoas julgadas por fornecer droga suicida a mais de 600 pessoas nos Países Baixos

Sismo em Taiwan faz pelo menos nove mortos e mais de 900 feridos