Última hora
This content is not available in your region

Saída do Estado Islâmico não pára violência em Kobani

Saída do Estado Islâmico não pára violência em Kobani
Tamanho do texto Aa Aa

A cidade estratégica de Kobani, no norte da Síria, voltou a ser este domingo palco de intensos bombardeamentos, um dia depois das forças curdas, apoiadas pela aviação internacional, terem expulsado os extremistas do grupo Estado Islâmico.

Desde 8 de agosto do ano passado, os Estados Unidos e os aliados lançaram mais de 700 raides aéreos contra as posições dos insurgentes em Kobani.

Este sábado, os próprios extremistas admitiram ter perdido o controlo da cidade fronteiriça com a Turquia. Num vídeo divulgado na internet, um militante do Estado Islâmico explicou que a intensidade dos bombardeamentos acabou por obrigar o grupo a retirar-se das posições que ocupava.

A operação lançada no ano passado pelos extremistas contra a cidade de maioria curda tinha empurrado dezenas de milhares de residentes ao exílio. Hoje, Kobani é a imagem da devastação.