EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Nova cidade arqueológica destruída pelo grupo Estado Islâmico

Nova cidade arqueológica destruída pelo grupo Estado Islâmico
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Mais um local arqueológico importante do Iraque foi destruído pelo grupo Estado Islâmico. Depois de Mosul, Nimrud e Hatra, agora foi a vez de os

PUBLICIDADE

Mais um local arqueológico importante do Iraque foi destruído pelo grupo Estado Islâmico.

Depois de Mosul, Nimrud e Hatra, agora foi a vez de os jihadistas saquearem e destruírem a antiga cidade de Dur Sharrukin, hoje conhecida como Jorsabad, que foi a capital assíria durante parte do reinado de Sargão II no século VII antes de Cristo.

As autoridades iraquianas mostram-se impotentes para travar a aniquilação cultural do país, património da humanidade, e pedem por isso ajuda da coligação internacional.

“Apelamos e imputamos responsabilidades a à coligação – tenho a certeza que muitos partilham da minha opinião – porque a ação lenta da coligação internacional contra estes grupos e crimes, encoraja estes mesmos grupos a atacar, a destruir e a pilhar”, anuncia o ministro do Turismo e das antiguidades.

É mais uma perda irrecuperável de depois de outras 3 no espaço de apenas uma semana.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

União Europeia condena lei do Iraque que criminaliza homossexualidade

Um morto e oito feridos em ataque a base militar iraquiana

Estados Unidos lançam ataque maciço contra milícias no Iraque e na Síria