Última hora
This content is not available in your region

Grécia celebra Dia de Independência sem protestos

De  João Peseiro Monteiro
Grécia celebra Dia de Independência sem protestos
Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia celebra a Independência no dia 25 de março. Foi neste dia que em 1821 começou a revolta contra o império Otomano. Mas agora as guerras são outras. Esta foi a primeira comemoração desde que o Syriza, liderado por Alexis Tsipras, chegou ao poder. Desta vez o governo de esquerda abdicou de um palanque para assistir ao tradicional desfile militar. Uma forma de demonstrar que está ao mesmo nível do povo que o elegeu.

“Nos últimos anos as celebrações transformaram-se em protestos contra a austeridade. O novo governo quer mostrar que o país mudou e aproveitou a ocasião para dar uma imagem de unidade nacional nestes tempos difíceis para a Grécia” – explica o repórter da euronews Stamatis Giannisis.

Este ano a polícia não impediu os atenienses de afluírem à Praça Sintagma.

Além da tradicional parada militar, este ano as comemorações transformaram-se numa festa tradicional com música dos Balcãs.
A Igreja Ortodoxa Grega celebra também neste dia a Anunciação e é tradição comer bacalhau com alho no Dia da Independência.