Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Erdogan diz que Turquia avança rapidamente para eleições antecipadas

Erdogan diz que Turquia avança rapidamente para eleições antecipadas
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Turquia diz que o país está a um passo de legislativas antecipadas. O prazo estipulado pela Constituição para a formação de um executivo na sequência das eleições de junho vence no próximo domingo.

O primeiro-ministro turco e líder do partido AKP reconheceu a incapacidade para formar uma coligação. O chefe de Estado deveria encarregar o segundo partido mais votado, o CHP, de formar governo, mas Recep Tayyip Erdogan já disse que não pretende fazê-lo.

Erdogan afirmou que “infelizmente, a Turquia ainda não foi capaz de formar governo. Será preciso questionar novamente a vontade do povo, para encontrar uma solução”. O chefe de Estado garantiu estar a “conduzir o processo no quadro da Constituição”.

Fontes próximas da presidência indicaram que Erdogan pretende avançar imediatamente com a formação de uma coligação interina, constituída pelos quatro partidos representados no Parlamento, para dirigir o país até às legislativas antecipadas, que teriam lugar entre o meio de outubro e novembro. Mas o CHP já disse que não participará num governo partilhado a curto termo.