EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Corpos das vítimas do acidente com avião russo chegam a São Petersburgo

Corpos das vítimas do acidente com avião russo chegam a São Petersburgo
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Corpos das vítimas do acidente com um avião charter russo no Egito, já começaram a chegar a São Petersburgo. Um avião que transportava os corpos de

PUBLICIDADE

Corpos das vítimas do acidente com um avião charter russo no Egito, já começaram a chegar a São Petersburgo.

Um avião que transportava os corpos de 144 das 224 vítimas aterrou esta madrugada no aeroporto russo de Pulkovo.

As autoridades consideram que não estão em condições de anunciar as causas do acidente. O atentado terrorista continua a ser uma das hipóteses.

“O local do acidente abrange um território muito grande, mais de 20 km quadrados. A área por onde os fragmentos do avião estão espalhados tem a forma de uma elipse alongada com cerca de 8 km de comprimento e aproximadamente 4 km de largura. Tudo indica que o avião se partiu no ar, a uma grande altitude,” afirmou o diretor geral da Agência Federal de Aviação Russa, Alexander Neradko.

No domingo, muitas pessoas saíram à rua, em São Petersburgo, e reuniram-se na Praça do Palácio para prestar homenagem às vítimas do acidente.

Várias companhias aéreas, entre as quais a Air France, Lufthansa e Emirates, já anunciaram que, até nova indicação, não vão sobrevoar a península do Sinai.

De recordar que o Airbus A321 da companhia russa Metrojet caiu, sábado, na península do Sinai, e tinha saído de Charm el-Cheikh, no Egito, em direção a São Petersburgo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia: Memorial improvisado no aeroporto de Pulkovo

Líder do Malawi pede investigação independente à morte do vice-presidente em acidente de aviação

Em apenas uma semana, três turistas desaparecidos nas ilhas gregas foram encontrados mortos