Londres em alerta para possibilidade de um explosivo ter abatido avião russo

Londres em alerta para possibilidade de um explosivo ter abatido avião russo
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O despenhamento de um avião de passageiros russo no Egito poderá ter sido causado por uma explosão. A informação é avançada por uma fonte anónima da

PUBLICIDADE

O despenhamento de um avião de passageiros russo no Egito poderá ter sido causado por uma explosão.

A informação é avançada por uma fonte anónima da equipa de investigadores egípcios, citada pela agência Reuters, que recusa para já afirmar, se se tratou de um engenho explosivo.

Uma dúvida que levou esta noite o governo britânico a suspender os vôos de Sharm El-Sheikh com destino ao país, depois de admitir a possibilidade de que uma bomba poderia ter causado o despenhamento do avião.

O aparelho da companhia russa Metrojet, com 224 pessoas a bordo, tinha-se despenhado poucos minutos após descolar do aeroporto de Sharm-El-Sheikh, com destino a São Petersburgo.

O presidente egípcio tinha esta manhã voltado a considerar uma eventual pista terrorista como “prematura”, horas antes de um auto-denominado grupo Estado Islâmico do Sinai ter voltado a reivindicar a ação.

Os investigadores no local do incidente estarão a analisar nas últimas horas a areia na zona, à procura de vestígios de explosivos, segundo avança também uma fonte citada pela agência Reuters.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Grupo próximo do EI promete provar que abateu avião russo no Sinai

Processo de António Costa desce do Supremo para o DCIAP

501 caixões e 200 sacos com cadáveres encontrados abandonados na Argentina