Tropas iraquianas combatem pela libertação de Ramadi

Tropas iraquianas combatem pela libertação de Ramadi
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os jihadistas do grupo Estado islâmico perdem terreno no Iraque. As forças iraquianas avançam sobre os combatentes extremistas em Ramadi com o apoio

PUBLICIDADE

Os jihadistas do grupo Estado islâmico perdem terreno no Iraque. As forças iraquianas avançam sobre os combatentes extremistas em Ramadi com o apoio da coligação internacional e consolidam posições.

O setor de Tamim, situado no sudoeste desta cidade, localizada a 100 km de Bagdade, foi tomado pelo exército nas últimas horas, um avanço que representa uma etapa importante na tentativa de reconquistar Ramadi, uma cidade que se encontra sob controlo jihadista desde maio de 2015 e que até agora era um dos núcleos de auto proclamado Califado.

Uma vitória é crucial para o governo do primeiro-ministro Haider al-Abadi, após a derrota humilhante de seu exército nesta mesma cidade.

No norte do país, pelo menos 180 membros da organização radical morreram em ataques aéreos da coligação liderada pelos Estados Unidos, que veio em auxílio das tropas curdas Peshmerga, para repelir uma grande ofensiva grupo jihadista.

Mais de 300 combatentes fortemente armados lançaram pelo menos três ataques separados mas coordenados contra posições curdas no norte de Mosul, a maior cidade ainda controlada pelos extremistas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia, 2 anos depois: Como a população se está a adaptar a uma guerra de longa duração

Tribunal de Belfast contraria lei britânica de amnistia a autores de atos de violência

Dois anos após invasão russa, ucranianos enfrentam situação muito difícil no Donbass