Morre Hocine Aït-Ahmed, herói da luta pela independência da Argélia

Morre Hocine Aït-Ahmed, herói da luta pela independência da Argélia
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Vítima de doença prolongada, o líder histórico da luta pela independência da Argélia, Hocine Aït Ahmed, morreu esta quarta-feira em Lausanne, na

PUBLICIDADE

Vítima de doença prolongada, o líder histórico da luta pela independência da Argélia, Hocine Aït Ahmed, morreu esta quarta-feira em Lausanne, na Suíça, aos 89 anos de idade.

Ao longo dos últimos anos, o estado de saúde de Aït Ahmed deteriorou-se de forma significativa. Resultado de vários problemas vasculares cerebrais, acabou por ver a própria fala afetada.

Como ativista, iniciou a vida política durante a guerra da independência de França. Foi um dos líderes da Frente de Libertação Nacional.

Após a independência do país, em 1962, foi eleito deputado e iniciou uma oposição cerrada ao regime do então presidente Ahmed Ben Bella. Fundou a Frente de Forças Socialistas. Chegou a ser preso e fugiu para a Suíça, onde passou grande parte da vida exilado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio em prédio de 14 andares em Valência faz pelo menos quatro mortos

Mãe de Alexei Navalny pede à justiça entrega do corpo

Russos continuam a homenagear Navalny apesar do risco de detenção. Mais de 400 já foram presos