A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

França: Viver com o terrorismo

França: Viver com o terrorismo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um ano após os atentados em Paris multiplicam-se as homenagens às vítimas dos ataques ao jornal Charlie Hebdo e ao supermercado Hyper Cacher. As televisões europeias prestam também homenagem.

Uma equipa da France 2 acompanhou Valérie Braham, viúva de uma pessoa morta no Hyper Cacher.

A televisão espanhola analisou o conteúdo da recente e controversa edição do jornal Charlie Hebdo, que coincidiu com o aniversário do massacre.

Na memória mantêm-se presentes as vítimas dos atentados de 7 de janeiro, mas também as dos ataques de 13 de novembro. A Rai 2 recorda os elementos do inquérito.