A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

França: "Ataque antissemita" em Marselha

França: "Ataque antissemita" em Marselha
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O adolescente que agrediu um professor judeu em Marselha, no sul de França, declarou ter agido “em nome de Deus” e do grupo Estado Islâmico no momento da sua detenção. De nacionalidade turca de origem curda, o rapaz de 16 anos repetiu várias vezes esta frase acrescentando que “os muçulmanos da França desonram o Islão e o exército francês protege os judeus . Para o procurador, “este é claramente um ataque antissemita”, com uma “forma de premeditação.”