EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Manifestações Pegida em várias cidades europeias

Manifestações Pegida em várias cidades europeias
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Dia de manifestações contra a islamização da Europa em várias cidades europeias. A organização Pegida demonstrou ter a bandeira hasteada em vários

PUBLICIDADE

Dia de manifestações contra a islamização da Europa em várias cidades europeias. A organização Pegida demonstrou ter a bandeira hasteada em vários pontos do continente.

Na cidade berço da organização, Dresden, participaram entre 6000 e 8000 pessoas.

Mas a cidade alemã também foi palco de uma contramanifestação de cerca de 3500 pessoas em oposição à marcha dos chamados Patriotas Europeus contra a Islamização do Ocidente (Pegida).

Em Birmingham, Inglaterra, foram pouco mais de 120 manifestantes que apoiaram a luta contra a entrada de pessoas de confissão muçulmana.

.TRobinsonNewEra</a> tells <a href="https://twitter.com/BeccyWoodTV">BeccyWoodTVbbcmtd</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/Pegida?src=hash">#Pegida</a> weren&#39;t forced to protest out of <a href="https://twitter.com/hashtag/Birmingham?src=hash">#Birmingham</a> City Centre. <a href="https://t.co/cc79fqdWKP">pic.twitter.com/cc79fqdWKP</a></p>&mdash; BBC WM 95.6 (bbcwm) February 6, 2016

Em Varsóvia houve duas mil pessoas a exigir uma política menos aberta a imigração islâmica. O líder do Movimento Nacional explicou o que pensa da situação atual. “A Europa está agora a ser invadida por grupos de pessoas que pretendem dominar o nosso continente. A Europa central ainda está numa boa situação, porque não existem milhões de muçulmanos aqui, como na Alemanha”, disse Robert Winnicki.

Em França, em Calais, cidade conhecida por albergar milhares de migrantes que tentam furar a fronteira para o Reino Unido, centena e meia de pessoas protestaram numa manifestação não autorizada. Pelo menos dez manifestantes foram detidos, incluindo um antigo general da Legião Estrangeira.

Shock in #Calais : a prestigious general abused by the police because he criticized uncontrolled immigration#PEGIDApic.twitter.com/HBcnVTkrw1

— Fred Bonneval Ⓜ (@FredBonneval) February 6, 2016

Em Dublin, na Irlanda, aquele que deverá ser o décimo quinto país com uma seção PEGIDA, o protesto aqueceu quando surgiu uma contramanifestação. A polícia foi obrigada a intervir.

Manifestações verificaram-se também noutros países como Áustria ou Holanda.

Amsterdam politie #pegida 3/3 pic.twitter.com/Ezjj3p5u3k

— Johan Hovinga (@JohanHovinga) February 6, 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Migrantes salvos da morte no Canal da Mancha

Polícia alemã mata homem que esfaqueou três pessoas numa festa do Euro 2024

Alemanha goleia Escócia no jogo inaugural do Euro 2024