Obama responde à carta que lhe escreveu uma cubana

Obama responde à carta que lhe escreveu uma cubana
De  Nelson Pereira com Reuters
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O presidente americano Barack Obama aproveitou o restabelecimento dos serviços postais diretos entre os Estados Unidos e Cuba para responder a Ileana

PUBLICIDADE

O presidente americano Barack Obama aproveitou o restabelecimento dos serviços postais diretos entre os Estados Unidos e Cuba para responder a Ileana Yarza, uma habitante de Havana que em fevereiro lhe escreveu para o convidar para um café.

Ileana Yarza diz que esta visita traz esperança aos cubanos:

“Porquê este entusiasmo? Porque há esperança de que o embargo termine e que as relações entre os dois países sejam restauradas na base do respeito mútuo e que a revolução preserve as conquistas do povo, pois o povo necessita da proteção dos presidentes”.

Ileana Yarza tinha escrito a Obama para lhe dizer que acompanha a carreira política do presidente desde a primeira campanha eleitoral. Barack Obama respondeu que esta correspondência ficará como recordação de um novo capítulo nas relações entre os dois países:

“Querida Ileana: espero que esta carta, que será enviada por correio no primeiro voo direto, em 50 anos, entre os Estados Unidos e Cuba, permaneça como recordação de um novo capítulo nas relações entre os dois países”.

Here's the first letter an American President has sent to Cuba via USPS</a> in 50 years → <a href="https://t.co/WEXDd2rTlS">https://t.co/WEXDd2rTlS</a> <a href="https://t.co/4wWAyq9fey">pic.twitter.com/4wWAyq9fey</a></p>&mdash; The White House (WhiteHouse) 17 mars 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa Francisco critica corrupção mas elogia liberdade religiosa na Mongólia

A surpreendente demissão do ministro dos Negócios Estrangeiros da China

Blinken e Xi Jinping chegam a "base de entendimento" e "progressos" em Pequim