A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Microsoft lança parceria com indústria da canábis

Microsoft lança parceria com indústria da canábis
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

É uma parceria inédita. A Microsoft vai aliar-se à Kind Financial, para traçar todo o processo de comercialização de canábis.

A start-up californiana existe há três anos e a sua tecnologia é já usada pelas autoridades locais e organismos de regulamentação para vigiar a legalidade das vendas de marijuana. Agora a start-up vai poder trabalhar usando o “cloud” de informações da Microsoft.

Até agora as grandes empresas mantinham-se afastadas do negócio da canábis.

A substância é ilegal a nível federal nos Estados Unidos, mas diversos Estados norte-americanos permitem o uso em certas condições e há quatro que legalizaram o uso pessoal da canábis.

As vendas legais de canábis dispararam. Em 2015 ascendiam a 5,4 mil milhões de dólares, uma subida de 17,4% face a 2014, segundo o grupo ArcView.