EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Franceses celebram passagem às meias-finais, islandeses festejam feito da seleção

Franceses celebram passagem às meias-finais, islandeses festejam feito da seleção
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os adeptos dos “Bleus” não sofreram muito durante o jogo contra a Islândia e a festa fazia-se já nas ruas, das cidades francesas, mesmo antes do fim do jogo.

PUBLICIDADE

Os adeptos dos “Bleus” não sofreram muito durante o jogo contra a Islândia e a festa fazia-se já nas ruas, das cidades francesas, mesmo antes do fim do jogo.

A seleção gaulesa segue para as meias-finais do Euro2016. Os franceses vibraram com a vitória:

“O jogo foi intenso, foi magnífico, francamente, vimos muito mais golos do que tínhamos visto até aqui. Estou muito contente pela França, porque estamos nas semifinais”, diz um jovem.

“Foi um jogo fantástico. Estou muito contente por estar aqui. Vimos um bom jogo, cheio de golos, foi fenomenal. E estamos nas meias-finais, é genial!” – adianta uma jovem.

Do lado da Islândia, e apesar da derrota, os adeptos estão contentes. Mais importante do que ganhar é ter chegado mais longe do que alguma vez pensaram:

“Bem, não faz mal porque ninguém esperava que chegássemos tão longe. E estivemos melhor na segunda parte, por isso toda a gente se sente bem, não há problema”, afirmou a pequena Heba Leigh, uma adepta de 11 anos.

Também em Reiquiavique se festejou o facto de a Islândia ter ficado entre os oito melhores da Europa:

“Sinto-me bem. Estou orgulhosa da seleção. Ela ganhou o jogo, ainda que o tenha perdido. Não tem importância. Ganhámos. Estamos no top 8, não importa se em 5, 6, 7, ou 8.”

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Inteligência Artificial ajuda a identificar cancro de origem desconhecida

França aperta medidas de segurança antes da cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos

Campos Elísios transformam-se numa enorme mesa de piquenique