EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Trump reage aos ataques democratas

Trump reage aos ataques democratas
Direitos de autor 
De  João Peseiro Monteiro com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O candidato republicano tem sido o bombo da festa da convenção democrata e reagiu no tom habitual: “Eu queria tanto dar na cabeça a um par de oradores, se pudesse tinha-o…

PUBLICIDADE

O candidato republicano tem sido o bombo da festa da convenção democrata e reagiu no tom habitual:

“Eu queria tanto dar na cabeça a um par de oradores, se pudesse tinha-o feito. Eu ia dar-lhes, tinha tudo preparado, mas depois recebi uma chamada de um governador muito respeitável. “Olá Donald, como vai a coisa?” E eu disse: “vai andando, mas eles estão a falar muito mal de mim e eu quero dar-lhes tanto, em particular a um gajo pequenino, ia dar-lhe com tanta força que a cabeça ia andar tanto à roda que nem sabia que diabo lhe tinha acontecido.”

For Donald Trump and Michael Bloomberg, cordial ties have soured https://t.co/PNSB7ym3Plpic.twitter.com/7hgoX7W1HE

— The New York Times (@nytimes) 29 de julho de 2016

As palavras ambíguas de Donald Trump não tiveram um destinatário claro, mas a imprensa americana avança o nome de Michael Bloomberg, o milionário que já foi edil de Nova Iorque, eleito pelo partido republicano, e que agora apoia Hillary Clinton.

Bloomberg defende Hillary e diz saber identificar 'vigaristas como Trump'. https://t.co/j0vUHTEvK6

— Folha de S.Paulo (@folha) 28 de julho de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Hillary Clinton aceita nomeação democrata à Casa Branca

Biden apoia o filho após condenação, mesmo sem indulto. "Estamos orgulhosos do homem que ele é hoje"

Robert de Niro chama "palhaço" a Donald Trump à porta do tribunal