EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Tailândia aprova nova Constituição por referendo

Tailândia aprova nova Constituição por referendo
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Tailândia votou e aprovou este domingo um referendo para o texto da nova Constituição e poderes do Senado para vetar leis e reformas constitucionais.

PUBLICIDADE

A Tailândia votou e aprovou este domingo um referendo para o texto da nova Constituição e poderes do Senado para vetar leis e reformas constitucionais.

Thailand just voted to make itself even less democratic https://t.co/KVsUfFdPAL

— The Independent (@Independent) August 7, 2016

A Constituição, elaborada, proposta e levada agora a votação, é uma iniciativa do governo de junta militar vigente, com o primeiro-ministro e General Prayuth Chan-ocha à cabeça.
O Senado é escolhido a dedo pelo governo e fica assim com poder para interferir na eleição do primeiro-ministro.

Today, #Thailand votes on constitution that could threaten democracy, says JoshKurlantzick</a>: <a href="https://t.co/Evf1XtIxVH">https://t.co/Evf1XtIxVH</a> <a href="https://t.co/S65DStTKMh">pic.twitter.com/S65DStTKMh</a></p>&mdash; CFR (CFR_org) August 7, 2016

Um estreitar do poder militar no país, agora aprovado constitucionalmente, que defensores dos direitos humanos têm criticado, com detenção de activistas políticos e de estudantes antes do referendo e acusações de tortura.

#Thailand former prime ministers Abhisit Abhisit_DP</a> & Yingluck <a href="https://twitter.com/PouYingluck">PouYingluck publicly reject junta's draft charter. pic.twitter.com/eHqtDIwDnT

— Sunai (@sunaibkk) August 2, 2016

Dados da Comissão Eleitoral dizem que com 94% dos votos estão já contados: 62% dos eleitores aprovaram a nova constituição.

Vote counting was frozen for Sunday, the Election Commission says. #ThaiReferendumpic.twitter.com/ZALyIFrXlR

— Bangkok Post (@BangkokPostNews) August 7, 2016

Eleições gerais estão marcadas para 2017.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tailândia enfrenta problemas com macacos urbanos

Paris impõe estado de emergência na Nova Caledónia. Habitantes temem pela escassez de alimentos

Incêndio de grandes dimensões consome depósito de gás na Tailândia