Atentado na Turquia: Balanço de vítimas em Cizre sobe para 11 mortos e mais de 70 feridos

Atentado na Turquia: Balanço de vítimas em Cizre sobe para 11 mortos e mais de 70 feridos
De  Francisco Marques com anadolu,
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Uma viatura armadilhada explodiu e destruiu a esquadra da polícia de uma cidade de maioria curda no sudeste do país, junto à fronteira com a Síria e não muito longe do Iraque.

PUBLICIDADE

Sobe para 11 o número de polícias mortos na sequência da explosão, esta sexta-feira de manhã, de um carro armadilhado junto a uma esquadra em Cizre, no sudeste da Turquia. De acordo com Recep Akdag, o ministro da Saúde turco, a explosão terá provocado ainda mais de 70 feridos.

A explosão terá destruído por completo o edifício da polícia. O primeiro balanço de vitimas referia 8 polícias mortos, mas, de acordo com a agência turca Anadolu, citando o gabinete do Governador da província de Sirnak, outros 3 agentes vieram a morrer no hospital, não resistindo aos ferimentos.

FOOTAGE shows complete destruction after truck-bomb attack on Special Police Forces HQ in #Cizre#TwitterKurds. pic.twitter.com/KTNxNDo4qd

— KurdishQuestion.com (@KurdishQuestion) 26 de agosto de 2016

Cizre é uma cidade de maioria curda situada no sudeste da Turquia, junto à fronteira com a Síria e também não muito longe do Iraque, uma vasta região que tem sido palco da investida do grupo terrorista autoproclamado Estado Islâmico (ou ISIL/ ISIS/ Daesh, nos acrónimos inglês e árabe), mas também de confrontos entre forças armadas turcas e rebeldes curdos.

O suposto atentado contra a esquadra da polícia ainda não foi reivindicado, mas os meios de comunicação turcos estão a atribuir a responsabilidade a militantes do PKK, o Partido dos trabalhadores do Curdistão, um grupo independentista curdo definido pela Turquia, os Estados Unidos e a União Europeia como terrorista. As autoridades impuseram, entretanto, a proibição aos meios de comunicação locais de divulgarem mais notícias sobre este caso, mas os video amadores vão-se sucedendo nas redes sociais.

VIDEO: More aftermath footage of the massive destruction caused by #PKK car bomb in #Cizre police HQ – cwnKrdstn</a><a href="https://t.co/pzzCrDsa3L">pic.twitter.com/pzzCrDsa3L</a></p>&mdash; Conflict News (Conflicts) 26 de agosto de 2016

Esta explosão em Cizre acontece, curiosamente, na manhã do terceiro dia da ofensiva turca no norte da Síria contra grupos terroristas onde Ancara inclui o “Daesh”, mas também as YPG, a milícia armada do Curdistão Sírio que tem vindo igualmente a combater os “jihadistas” na Síria com o apoio dos Estados Unidos.

#Cizre 'de Emniyete Müdürlüğü'ne Bombalı Saldırı – Yeni Görüntühttps://t.co/Aa1qgrl93rpic.twitter.com/641GBhNreH

— Rehber Tv Haber (@RehberTvHaber) 26 de agosto de 2016

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Turquia ataca PKK no Curdistão iraquiano após atentado em Ancara

PKK reivindica atentado terrorista em Ancara

Protestos com bandeiras queimadas e slogans cantados no consulado da Suécia em Istambul