EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Iraque lança "batalha final" para retomar Mossul ao grupo Estado Islâmico

Iraque lança "batalha final" para retomar Mossul ao grupo Estado Islâmico
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O primeiro-ministro iraquiano anunciou esta noite ter lançado a operação para retomar a cidade de Mossul ao grupo Estado Islâmico (EI).

PUBLICIDADE

O primeiro-ministro iraquiano anunciou esta noite ter lançado a operação para retomar a cidade de Mossul ao grupo Estado Islâmico (EI).

“A hora zero começou”, afirmou Haider al-Abadi, durante um discurso televisivo. “Chegou o tempo da vitória e das operações para libertar Mossul”, declarou Abadi que se dirigiu aos habitantes da cidade, “declaro o início das operações vitoriosas para libertar-vos da violência e do terrorismo do EI”.

O primeiro-ministro iraquiano garantiu também que, “apenas as forças do exército e a polícia vão entrar dentro da cidade para libertá.la”.

عاجل | دولة رئيس الوزراء القائد العام للقوات المسلحة د. حيدر العبادي يعلن إنطلاق ساعة الصفر لتحرير مدينة #الموصل من عصابات داعش pic.twitter.com/bPekbtXqvU

— الجيش العراقي الوطني (@ArmY_Iq) October 16, 2016

As forças iraquianas, apoiadas por milícias sunitas, as tropas do curdistão iraquiano e a aviação norte-americana iniciaram a primeira fase da operação com o bombardeamento maciço da cidade.

#BREAKING:
Peshmerga artillery shells ISIS positions near Mosul.
مدفعية #البيشمركة تقصف داعش الان#MosulOps#TwitterKurds#Mosul#Peshmergapic.twitter.com/NjsqDVQZSQ

— Peshmerga (@KURDISTAN_ARMY) October 16, 2016

A ofensiva deverá ser levada a cabo em três frentes, a sul, norte e leste da cidade, deixando aberta a frente leste, que conduz à Síria.

Fontes no terreno afirmam que o grupo Estado Islâmico teria colocado blocos de cimento e armadilhado os principais acessos da cidade para evitar a saída dos habitantes, que poderão ser utilizados como escudos humanos pelos combatentes islamitas.

O Secretário da Defesa norte-americano, Ash Carter, afirmou esta madrugada que os EUA, “estão prontos a apoiar o exército iraquiano e os combatentes Peshmerga e o povo do Iraque neste combate difícil”.

#SecDef Ash Carter: US and coalition stand ready to support ISF & Pesh in liberation of #Mosul. Full statement https://t.co/ooxuQr748D

— Peter Cook (@PentagonPresSec) October 17, 2016

A cidade de Mossul foi ocupada pelos extremistas em Junho de 2014, sendo atualmente a maior localidade do país controlada pelo EI, após a derrota do grupo em Faluja em Junho deste ano.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Iraque:Drones filmam maior cemitério do mundo

Tropas iraquianas ganham terreno na luta contra o grupo Estado Islâmico

Iraque: Incêndio num casamento faz mais de uma centena de mortos entre eles os noivos