A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Boris Johnson deprecia reunião de emergência da UE sobre Trump

Boris Johnson deprecia reunião de emergência da UE sobre Trump
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O chefe da diplomacia britânica, Boris Johnson, decidiu não participar na reunião de emergência dos ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, onde deverá ser discutida qual a posição a assumir face ao novo inquilino da Casa Branca.

No rescaldo da eleição de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos, os responsáveis pela diplomacia dos países membros da União Europeia marcaram uma reunião de emergência para discutir as relações com Washington.

O porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros britânico informou que Boris Johnson participará na reunião oficial agendada para segunda-feira, considerando desnecessário outro encontro à margem daquele.

Pouco depois de ter sido confirmada a eleição de Donald Trump como Presidente dos Estados Unidos, o ministro dos Negócios Estrangeiros britânico corrigiu o seu discurso, anunciando o enorme desejo de trabalhar com Trump.

Em 2015, enquanto Presidente da Câmara de Londres, o político conservador apontara a inaptidão de Trump para o cargo quando este defendeu que fosse banida a entrada de muçulmanos nos Estados Unidos.