EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Presidência Trump: "Resistam" apela a Greenpeace do alto de uma grua

Presidência Trump: "Resistam" apela a Greenpeace do alto de uma grua
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Greenpeace pendura faixa numa grua em frente à Casa Branca para protestar contra Donald Trump

PUBLICIDADE

“Resistam” – O apelo de um grupo de ativistas da organização ambiental Greenpeace que colocou a faixa com a palavra numa grua com mais de 80 metros em frente à Casa Branca em Washington.

A ação visa protestar contra a política ambiental do novo presidente dos Estados Unidos e contra o que dizem ser o “negacionismo das alterações climáticas, racismo, misoginia, a homofobia e a intolerância” de Donald Trump.

“Se estivessem sentados na zona sul da Casa Branca, no parque Elipsus, certamente veriam a faixa que é contra a Casa Branca. O simbolismo é que, claro, estamos aqui especificamente para protestar contra esta administração”, explica Jason Schwartz, da organização ambientalista.

JUST NOW: Protestors from Greenpeace unfurl giant banner reading “RESIST.” Here's view from the White House. pic.twitter.com/alJeUW0fBV

— Peter Alexander (@PeterAlexander) January 25, 2017

O protesto surge um dia depois de Trump ter adiado a aplicação de pelo menos 30 novas regras ambientais e de ter avançado com a construção de dois oleodutos polémicos – o Keystone XL, para importar petróleo do Canadá, e o Dakota Access, que passará por um lago junto a uma reserva índia.

O material usado nos oleodutos – que de todos os modos vão ligar o Canadá ao Golfo do México – será feito com aço americano para proteger a economia, segundo Trump.

I wanted to understand the relation between Keystone XL & DAPL. I found this map. #NODAPLhttps://t.co/yOoiSotzVrpic.twitter.com/XPLuFs2kxO

— Bernie Bob Jung (@BJ01123) September 5, 2016

Após a assinatura dos decretos, várias cidades foram palco de protestos, incluindo Washington, Nova Iorque e Los Angeles.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Polícia evacua acampamento de manifestantes pró-Palestina

Absolvição de polícias acusados de matar homem negro causa revolta nos EUA

Centro de Nova Iorque ocupado por protestos contra combustíveis fósseis