A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Sistema antimíssil gera protestos na Coreia do Sul

Sistema antimíssil gera protestos na Coreia do Sul
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os quatro novos lança-mísseis enviados pelos Estados Unidos para melhorar o sistema de defesa antimíssil da Coreia do Sul já estão no país, mas a viagem foi tudo menos pacífica. Dezenas de pessoas ficaram feridas nos confrontos entre manifestantes e a polícia, entre protestos contra a instalação deste sistema.

O terminal de defesa aérea de alta altitude, conhecido pela sigla THAAD, está a ser montado num antigo campo de golfe perto da cidade de Seongju e é a resposta da Coreia do Sul, com o apoio dos Estados Unidos, aos recentes testes nucleares do vizinho do norte.

A população em protesto teme que a instalação do sistema, em vez de reforçar a paz, vá causar um aumento na tensão e faça da região um alvo prioritário em caso de ataque norte-coreano.