Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Os combates intensificam-se no Iémen

Os combates intensificam-se no Iémen
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os rebeldes hutis do Iémen lançaram este domingo um míssil em direção a um complexo nuclear em construção nos Emirados Árabes Unidos. O comando militar do movimento xiita anunciou o lançamento e divulgou imagens, mas o governo dos Emirados nega

O porta-voz das forças hutis, Abdel Aziz Rashed, afirma: “Fizémos um lançamento do tipo míssil-cruzeiro em direção a um alvo militar importante para a coordenação militar interna dos Emirados. O ex-presidente, Ali Saleh e as suas milícias, querem criar a divisão dentro do Iémen, apesar de não serem capazes de sustentar nem militarmente, nem politicamente nem economicamente o país".

Este fim de semana os combates intensificaram-se na cidade de Saana, a capital do país, com um balanço de pelo menos 40 mortos. Houve bombardeamentos a vários pontos estratégicos das posições hutis, nomeadamente a embaixada iraniana no Iémen.

Por seu lado, os hutis atacaram as resiências de líderes tribais favoráveis ao governo.

A agência noticiosa Jabar, que apoia a coligação internacional contra os hutis, informou que o sultanato de Omã está a tentar uma medidação para pôr fim aos confrontos, mas não avançou mais detalhes.