Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

May promete votação sobre acordo do Brexit

May promete votação sobre acordo do Brexit
Tamanho do texto Aa Aa

A primeira-ministra britânica Theresa May lançou, esta quarta-feira no Parlamento Britânico, um aviso contra os elementos dissidentes no Partido Conservador que estão contra o atual projeto do Brexit. Para May, estes deputados podem por em risco os planos para o que chama uma saída suave da União Europeia.

O acordo final entre o Reino Unido e a União Europeia será posto à votação em ambas as câmaras do Parlamento, antes de entrar em vigor.

Theresa May Primeira-Ministra do Reino Unido

Os debates sobre o Brexit duram há seis dias na Câmara dos Comuns. Vários deputados querem que o parlamento tenha uma palavra mais forte a dizer sobre o acordo que for estabelecido com a União Europeia. Para já, estão a ser feitas novas leis que substituem as que ligam o Reino Unido à União Europeia e outras que transpõem certas normas comunitárias para o direito britânico.

"Quero confirmar que o acordo final entre o Reino Unido e a União Europeia será posto à votação em ambas as câmaras do Parlamento, antes de entrar em vigor", disse a primeira-ministra.

A posição de Theresa May está enfraquecida desde as eleições de junho, com que tentou reforçar a maioria, mas que acabaram por ter o efeito contrário. Nesta sessão de perguntas à primeira-ministra, o líder da oposição, Jeremy Corbyn, falou pouco sobre o Brexit e preferiu o tema do acesso à habitação e da subida no número de sem-abrigo.