Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Homem é acusado de matar três pessoas para lucrar com funerais

Reuters
Reuters
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um técnico de ambulâncias é acusado de injetar com ar (para provocar embolia) três doentes terminais.

O suspeito de 42 anos recomendava às famílias das vítimas uma agência funerária, empresa que a  investigação acredita pertencer à máfia italiana. 

A investigação "Ambulâncias da morte" está a chocar o país. Os crimes aconteceram na cidade de Catania, na Sicília, a norte de Malta. 

Acredita-se que o esquema já seja praticado desde 2012.