This content is not available in your region

Dois mortos em manifestações no Congo

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Dois mortos em manifestações no Congo

Pelo menos duas pessoas morreram no Congo durante as manifestações contra o prolongamento do mandato do presidente Joseph Kabila. De acordo com a agência France Presse, eram duas crianças que faziam parte de um coro católico.

As forças de segurança dispararam tiros para o ar e lançaram gás lacrimogéneo numa igreja do centro de Kinshasa. De acordo com relatos de várias testemunhas, a carga policial foi feita em plena a missa dominical.

A oposição e sociedade civil, apoiados pela igreja católica do país, têm exigido a saída do presidente Kabila até ao final deste ano.

Foram organizados vários protestos considerados de alto risco e que foram proibidos pelas autoridades da República Democrática do Congo.