EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Cidade do Cabo poderá ser a primeira a ficar sem água

REUTERS
REUTERS
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

África do Sul já proibiu lavagens de carros e enchimento de piscinas

PUBLICIDADE

Cidade do Cabo, paraíso turístico para muitos, é, agora, posta no mapa como a primeira cidade do mundo que poderá ficar sem água.

As previsões apontam para uma seca severa nos próximos meses, causada pela falta de chuva dos últimos três anos e pelo aumento da população que o país tem sofrido.

O governo sul-africano tem promovido medidas para evitar o desastre, desde programas de reutilização de água, novos aparelhos que permitam transformar a água do mar em água potável, ou a mudança de hábitos comuns do dia a dia, como proibir as lavagens de carros, o enchimento de piscinas e a imposição de limite de  água diária para 87 litros por pessoa.

A seca atinge não só África do Sul mas todo o mundo.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, há 850 milhões de pessoas sem acesso a água potável, e, nos próximos anos, os números serão muito maiores.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tornado acompanhado de fortes chuvas devastou cidade sul-africana

Partido que libertou a África do Sul do "apartheid" perdeu as eleições gerais 30 anos depois

Eleições legislativas de alto risco para o ANC na África do Sul