EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Diretora de associação antitabaco comprou ações a uma empresa de... tabaco

reuters
reuters
Direitos de autor 
De  Ana Serapicos
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Brenda Fitzgerald, médica de 72 anos, já se demitiu do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças, nos EUA

PUBLICIDADE

Brenda Fitzgerald deixou o cargo de diretora do Centro de Controlo e Prevenção de Doenças, nos EUA, por ter comprado ações a uma empresa japonesa de tabaco, uma das maiores no mercado.

O Centro de Prevenção americano é o maior do país no setor da saúde e tem como principal objetivo lutar contra o tabagismo, num país onde o tabaco causa a morte de mais de um milhão de americanos por ano.

A denúncia foi do Jornal Político, o qual avançou que a ex-diretora, Brenda Fitzgerald, semanas depois de assumir o cargo no Centro americano, "gastou milhares de dólares em ações" a uma empresa japonesa de tabaco, a qual vende quatro das suas marcas nos EUA.

A agora ex-diretora da entidade de saúde, terá vendido as ações semanas depois de as adquirir, mas isso não foi o suficiente para que se tivesse afastada da associação.

A demissão foi anunciada pelo Departamento de Saúde, dirigido por Alex Azar. 

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Nova Iorque declara guerra ao tabaco

Filipinas prepara-se para lei 'dura' sobre o tabaco

Tribunal de Justiça da UE dá "luz verde" a normativa comunitária sobre produtos de tabaco