A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Retaliação russa contra jihadistas em Idlib

Retaliação russa contra jihadistas em Idlib
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um ataque russo com uma arma de alta precisão matou mais de 30 mercenários na província síria de Idlib, onde um avião russo foi previamente abatido, no sábado, informou a agência de notícias TASS, citando o Ministério da Defesa da Rússia.

O piloto do Sukhoi Su-25 russo foi morto depois de ter saltado em pára-quedas, na zona que está sob controle dos terroristas sunitas da Frente al-Nusra, disse a mesma fonte, confirmando assim as informações do Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Outro grupo muito ativo na área é o Hayat Tahrir al Sham (HTS - Organização pela Libertação do Levante), milícias salafistas ligadas à Al Qaeda.