Tribunal suspende pena do herdeiro da Samsung

reuters
Direitos de autor Reuters
De  Ana Serapicos
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Lee Jae-yong tinha sido condenado a cinco anos de prisão

PUBLICIDADE

O tribunal decidiu suspender a pena de Lee Jae-youg, herdeiro e antigo administrador da Samsung.

Lee Jae-Yong foi condenado a cinco anos de prisão pelo envolvimento num caso de corrupção que levou também ao afastamento da presidente sul-coreana, Park Geun-hye.

O líder de uma das maiores marcas sul-coreanas terá efetuado pagamentos no valor de 30 milhões de dólares ao braço direito da ex-presidente do país, em troca de favorecimentos à Samsung.

Lee Jae-youg foi também acusado de desvio de fundos, ocultação de ativos no estrangeiro e perjúrio.

Estava detido desde fevereiro de 2017 e foi agora libertado.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Diretor da Samsung demite-se

Herdeiro da Samsung condenado a 5 anos de prisão

Ministério Público pede 12 anos de prisão para herdeiro da Samsung