Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

"Abandonar acordo nuclear com o Irão é grande erro estratégico", garante ex-secretário da Energia de Obama

"Abandonar acordo nuclear com o Irão é grande erro estratégico", garante ex-secretário da Energia de Obama
Tamanho do texto Aa Aa

"Um erro monumental" que prejudica os interesses da comunidade internacional". Foi desta forma que o ex-secretário da Energia de Barack Obama, Ernest Moniz, classificou a decisão de Donald Trump de sair do acordo nuclear com o Irão.

Em Portugal nesta semana para participar na conferência APED Retail Summit, e em entrevista à Agência Lusa, Ernest Moniz recordou um dos principais objetivos do acordo que ajudou a negociar: "o acordo deu à comunidade internacional a capacidade de monitorização e verificação de forma a garantir que Irão não voltava a ativar o programa de armas nucleares. Agora, a ação do presidente é um monumental erro estratégico".

Moniz defende que "os EUA e a Europa têm vários pilares de força geopolítica": as alianças multilaterais, como a NATO, a rede de "instituições financeiras construídas após a II Guerra Mundial", o sistema de comércio internacional e um conjunto de "valores nas relações internacionais".

"Infelizmente, acredito que as ações do presidente Trump enfraqueceram esses quatro pilares. Quando se pensa nas alianças, as declarações que fez sobre a NATO, são um exemplo; em relação ao comércio, com o foco em desequilíbrios comerciais, promovendo um sistema mercantil em vez de um sistema de valores...acho que tudo isto não serve os nossos interesses a longo prazo", afirmou o físico do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, em inglês) .

Ernest Moniz considera que Donald Trump está a fazer exatamente o contrário do que fez Barack Obama. O lusodescendente acredita que Obama apoiou e fez avançar estas quatro áreas.