Mattarella e Cottarelli debatem pressão para eleições antecipadas

Mattarella e Cottarelli debatem pressão para eleições antecipadas
De  Euronews com ANSA
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente do Conselho indigitado e presidente da República encontraram-se no Palácio Quirinale. Eleições poderiam ter lugar em julho.

PUBLICIDADE

Em Itália, a formação de um novo Executivo poderia demorar pelo menos mais alguns dias, depois de umas legislativas que deixaram o país num caos Governativo.

O presidente do Conselho designado, Carlo Cottarelli, encontrou-se com o presidente da República, Sergio Mattarrella, no Palácio Quirinale.

Ao contrário do que se esperava, Cottarelli não apresentou a lista com os ministros que deverão formar novo Governo.

Os dois debateram as pressões que chegam das várias forças políticas no sentido de serem realizadas eleições antecipadas antes do verão.

Carlo Cottarelli terá mesmo pedido ao presidente mais tempo para melhor refletir sobre a questão da lista de ministros. 

"Não muito tempo," disse aos jornalistas o primeiro-ministro designado, depois do encontro com o presidente Sergio Matarella.

As legislativas italianas tiveram lugar no início de março. Nenhuma das três principais alianças conseguiu maioria no parlamento, num escrutinio marcado por um voto de protesto.

Agora, crescem as referências, na imprensa italiana, a umas possíveis eleições antecipadas realizadas já no mês de julho, com o presidente Mattarella cada vez mais isolado, depois de ter rejeitado a formação proposta pelo Movimento 5 Estrelas e pela Liga Norte.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Instabilidade em Itália provoca receios na Europa

Governador do Banco de Itália adverte para riscos económicos da instabilidade política

Mercados sob tensão por causa de Itália