Última hora

Última hora

Pedro Sánchez é o novo chefe do governo espanhol

Em leitura:

Pedro Sánchez é o novo chefe do governo espanhol

Pedro Sánchez é o novo chefe do governo espanhol
@ Copyright :
REUTERS/Sergio Perez
Tamanho do texto Aa Aa

O Parlamento espanhol aprovou esta manhã a moção de censura ao governo de Mariano Rajoy, com 180 votos a favor, 169 votos contra e uma abstenção.

Apesar de contar apenas com 84 dos 350 deputados do Parlamento, o PSOE conseguiu garantir os votos do Podemos, dos separatistas catalães e do decisivo Partido Nacionalista Basco, que tem apenas 5 deputados

No debate da moção de censura Sánchez defendeu que Mariano Rajoy devia apresentar a demissão na sequência da sentença que condenou ex-dirigentes do PP a penas de prisão

Para conquistar o apoio necessário, Sánchez, que colocou a possibilidade de retirar a moção caso Rajoy renunciasse, comprometeu-se a governar com as contas aprovadas pelo PP e a abrir “uma nova etapa de diálogo com os catalães”.

Agora, a grande dúvida é saber quanto tempo é que um Governo liderado por Sánchez se vai aguentar com uma maioria considerada muito instável.

Pedro Sánchez é formado em economia, secretário-geral do PSOE e deputado por Madrid nas Cortes Gerais.

O rei Felipe VI deve assinar ainda hoje a nomeação de Sánchez, que poderá prestar juramento no sábado.