Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Juíza desafia governo polaco

Juíza desafia governo polaco
Tamanho do texto Aa Aa

Na Polónia continuam os protestos contra a reforma judicial que está na origem do processo instaurado ao país pela Comissão Europeia. A nova lei estabelece a reforma dos juízes com 65 anos ou mais, em vez de 70 anos, a idade estabelecida até aqui.

Contra a reforma judicial e do lado dos manifestantes, a presidente do Supremo Tribunal desafiou o governo e foi trabalhar. Aos jornalistas, Malgorzata Gersdorf afirmou que esta foi uma posição pela defesa da ordem e da lei.

“Estou a defender a ordem e a legalidade do estado e quero representar a verdade sobre a existência de uma fronteira entre a Constituição e a violência da Constituição”.

Na noite desta terça-feira, cerca de cinco mil pessoas gritaram em Varsóvia: "estamos contigo", em sinal de apoio a Malgorzata Gersdorf.

Os manifestantes falam de uma “purga” no Supremo Tribunal sob o pretexto da idade.