EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

May anuncia plano para o Brexit e Bruxelas toma nota

May anuncia plano para o Brexit e Bruxelas toma nota
Direitos de autor 
De  Antonio Oliveira E Silva com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Governo britânico reuniu-se durante 12 horas antes de anunciado um plano, que prevê papel fundamental do parlamento em todas as decisões.

PUBLICIDADE

Foi depois de uma longa reunião na residência oficial de campo da primeira-ministra britânica que Theresa May anunciou um plano do Executivo para a relação entre Londres e Bruxelas depois de concluído o Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia enquanto Estado membro. 

Em Chequers, a uns 70 quilómetros a noroeste de Londres, Theresa May mostrou-se otimista e falou na criação de uma relação de livre comércio entre as ilhas Britânicas e a União Europeia.

"A nossa proposta permite a criação de uma relação de livre comércio entre Reino Unido e União Europeia estabelece normas comuns relativamente a bens industriais e produtos agrícolas," explicou a primeira-ministra.

"As normas vão ser exigentes e não vai ser possível realizar quaisquer mudanças sem a aprovação do parlamento."

A chefe do Executivo britânico anunciou também um acordo relativamente à empresas com interesses em solo britânico e na União Europeia e na possibilidade de serem celebrados acordos comerciais no mundo inteiro. 

Estes últimos aspetos são importantes, já que permitem, em teoria, superar o problema da fronteira física entre a Irlanda do Norte, unidade integrante do Reino Unido, e a República da Irlanda, na ilha do Eire. 

O plano decidido pelo Governo do Reino Unido caracteriza-se pela preparação para todos os cenários possíveis, incluindo uma saída sem acordo com Bruxelas, o chamado hard Brexit. 

Mas o plano deve ainda ser debatido com Bruxelas para que o acordo se concretize. Michel Barnier, o líder das negociações da União Europeia, disse, via Twitter, que iria analisar o plano, para saber se era "concretizável e realista".

Espera-se ainda um acordo no plano relativo à circulação de pessoas. Vários grupos britânicos pró-Brexit já se manifestaram. Dizem que este é um mau plano.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Antigo conselheiro de May à Euronews: a resposta de Johnson foi brutal

Um Brexit mais complicado para May com a demissão de Johnson

William apareceu sem Kate na "Garden Party" de verão do Palácio de Buckingham