A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

EUA decretam sanções à Rússia pelo uso de Novichok

EUA decretam sanções à Rússia pelo uso de Novichok
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Estados Unidos dão como provada a responsabilidade da Rússia no envenenamento do antigo espião Sergei Skripal.

O ex-agente da secreta russa e a filha foram alvo de um ataque com Novichok, uma substância neurotóxica, em março, na Grã-Bretanha.

Numa curta declaração, o departamento de Estado norte-americano reconhece agora a responsabilidade de Moscovo e determina um bloqueio à exportação de componentes eletrónicos e tecnológicos.

Washington dá um prazo de 90 dias à Rússia antes de tomar medidas maiv s draconianas. Quer que Moscovo garanta que não vo lta a usar armas químicas e permita uma inspeção das Nações Unidas.

A Grã-Bretanha já reagiu a esta decisão. Diz que a resposta internacional envia uma mensagem inequívoca para a Rússia de que comportamentos imprudentes não serão tolerados.