Última hora

Ryanair passa a cobrar por bagagem de mão

Ryanair passa a cobrar por bagagem de mão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Ryanair anunciou que, a partir de 1 de novembro, vai passar a cobrar uma parte da bagagem de mão.

Os passageiros poderão continuar a transportar gratuitamente uma "pequena bolsa pessoal" ou mochila de pequenas dimensões, mas que deverá caber e ser transportada sob o assento da frente.

As tradicionais bagagens de tamanho médio, de até 10 quilos, que cabem nas bagageiras da cabine, passarão a ser cobradas, entre seis euros, para os que subscrevem antecipadamente o embarque "prioritário", e dez euros, para os que pagam a dita bagagem no último momento, ao fazer o "check in" e a enviam para o porão.

A Ryanair diz que a mudança de política se deve aos atrasos gerados pelo atual excesso de bagagem de mão.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.