Última hora

Última hora

Presidente macedónio apela a boicote no referendo sobre mudança de nome

Em leitura:

Presidente macedónio apela a boicote no referendo sobre mudança de nome

Presidente macedónio apela a boicote no referendo sobre mudança de nome
Tamanho do texto Aa Aa

A questão está longe de gerar consenso. Tanto que o Presidente macedónio, Gjorge Ivanov, apelou ao boicote no referendo deste domingo sobre a alteração do nome do país para República da Macedónia do Norte.

A mensagem coloca pressão adicional sobre o primeiro-ministro e rival político Zoran Zaev que sublinhou que se trata de "uma escolha para futuro dos macedónios e das crianças. É a escolha para o futuro da amada Macedónia."

O referendo surge na sequência de um acordo alcançado entre Atenas e Skopje, em junho, para por termo ao braço-de-ferro por causa do uso do nome Macedónia, que também designa uma província grega.

Muitos macedónios prometem fazer-se notar e aumentar o risco de uma baixa participação. A Constituição macedónia só prevê a validação de um referendo consultivo caso participem mais de 50% dos eleitores, e se mais de metade dos que votam apoiarem a pergunta.

O Presidente fala em "flagrante violação da soberania" e criticou responsáveis dos Estados Unidos e da União Europeia (UE) por sugerirem que a alteração do nome constitui a única hipótese de adesão do país à NATO e UE.