Última hora

Última hora

Breves de Bruxelas: reunião da NATO, Brexit e Hungria

Em leitura:

Breves de Bruxelas: reunião da NATO, Brexit e Hungria

Breves de Bruxelas: reunião da NATO, Brexit e Hungria
Tamanho do texto Aa Aa

A reunião dos ministros da Defesa da NATO, esta semana, foi dominada pela acusação dos EUA de que a Rússia está a violar o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio. Em causa está o desenvolvimento de um sistema de mísseis de logo alcance lançados com recuso a bases terrestres.

O Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio foi assinado em 1987, pondo fim à Guerra Fria. Colocá-lo em dúvida poderia levar a uma nova corrida às armas, segundo os analistas.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária destacamos, ainda, que um grupo de cidadãos escoceses criou uma petição para saber se a União Europeia aceitaria que o Reino Unido permanecesse um Estado-membro, caso o processo do Brexit não chegue a bom porto.

Noutras notícias, a Hungria vai desafiar, em tribunal, a nova legislação da união europeia sobre trabalhadores destacados. Trata-se de cidadãos comunitários que as empresas enviam para outros países da União, mas a quem pagavam a mesma remuneração que tinham no país de origem.

A reforma visa impor salário igual para trabalho igual num mesmo local, o que é contestado pelo governo húngaro.