Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Breves de Bruxelas: reunião da NATO, Brexit e Hungria

Breves de Bruxelas: reunião da NATO, Brexit e Hungria
Tamanho do texto Aa Aa

A reunião dos ministros da Defesa da NATO, esta semana, foi dominada pela acusação dos EUA de que a Rússia está a violar o Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio. Em causa está o desenvolvimento de um sistema de mísseis de logo alcance lançados com recuso a bases terrestres.

O Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio foi assinado em 1987, pondo fim à Guerra Fria. Colocá-lo em dúvida poderia levar a uma nova corrida às armas, segundo os analistas.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária destacamos, ainda, que um grupo de cidadãos escoceses criou uma petição para saber se a União Europeia aceitaria que o Reino Unido permanecesse um Estado-membro, caso o processo do Brexit não chegue a bom porto.

Noutras notícias, a Hungria vai desafiar, em tribunal, a nova legislação da união europeia sobre trabalhadores destacados. Trata-se de cidadãos comunitários que as empresas enviam para outros países da União, mas a quem pagavam a mesma remuneração que tinham no país de origem.

A reforma visa impor salário igual para trabalho igual num mesmo local, o que é contestado pelo governo húngaro.