A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Femen provocam a fúria de manifestantes pró-franquistas

Femen provocam a fúria de manifestantes pró-franquistas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

De peito nu para denunciar o "fascismo legal" e a "vergonha nacional" três militantes do grupo feminista Femem provocaram a ira de apoiantes de Franco em Madrid.

De acordo com a polícia mais de 200 pessoas desfilaram este domingo pela capital espanhola munidas de bandeiras e replicando saudações fascistas para lembrar a morte de Francisco Franco, a 20 de novembro de 1975.

Na Praça do Oriente, onde o ditador proferia discursos, a parada quase militar saiu dos eixos quando as ativistas se apresentaram seminuas em protesto. Acabaram por ser detidas pela polícia mas vários manifestantes pró-franquistas tentaram agredi-las com violência.

O nome de Franco continua a despertar acesas discussões em Espanha tanto mais que o Governo quer completar a exumação dos restos mortais do ditador do mausoléu no Vale dos Caídos, até ao fim do ano. O lugar faraónico continua a ser o ponto de encontro de peregrinações fascistas.