EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Berlim torna mercados em fortalezas de Natal

Berlim torna mercados em fortalezas de Natal
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Berlim está a reforçar a segurança nos mercados de Natal contra atentados terroristas.

PUBLICIDADE

O Natal voltou a Berlim e com ele os mercados. Em Breitscheidplatz, onde 12 pessoas perderam a vida num atentado, em dezembro de 2016, a memória é pesada. Hoje, com a segurança reforçada, as luzes acendem-se para quem foi e quem vier.

Este ano, o Senado investiu 2 milhões e 600 mil euros no reforço de segurança. As medidas são para aplicar nos mais de 70 mercados da cidade e passam por vedar as entradas a veículos e circundar o espaço com uma estrutura anti-choque capaz de suportar o embate de um camião com um peso até 40 toneladas .

"É muito compreensível, tendo em conta o que aconteceu. Foi bom ver que fizeram um memorial para as pessoas que foram assassinadas. Apreciamos a segurança, toda a gente odeia ver uma coisa destas aconte4cer, na época do Natal, e é muito comovente ”, diz um turista irlandês.

Para outra visitante, o objetivo é divertir-se sem medo neste mercado. Uma mensagem que fez questão de passar às crianças, para, conforme afirma, o espírito natalício possa voltar

"O ano passado foi o nosso melhor ano. E acho que, se o tempo estiver bom, vamos vender bem este ano, outra vez. Acho que este mercado de Natal é o mais seguro do mundo". afirma um vendedor.

As pesadas medidas de segurança fazem-se sentir, mas não afastaram os visitantes. O jornal Berliner Kurier chegou mesmo a apelidar o mercado de Breitscheidplatz de "Fort Glühwein", que significa "forte do vinho quente".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Angela Merkel canta músicas de Natal com crianças

Missa de Natal em Belém marcada pelos acontecimentos em Jerusalém

Suspeitos de planearem ataque terrorista ao parlamento sueco foram detidos na Alemanha