A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Berlim torna mercados em fortalezas de Natal

Berlim torna mercados em fortalezas de Natal
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Natal voltou a Berlim e com ele os mercados. Em Breitscheidplatz, onde 12 pessoas perderam a vida num atentado, em dezembro de 2016, a memória é pesada. Hoje, com a segurança reforçada, as luzes acendem-se para quem foi e quem vier.

Este ano, o Senado investiu 2 milhões e 600 mil euros no reforço de segurança. As medidas são para aplicar nos mais de 70 mercados da cidade e passam por vedar as entradas a veículos e circundar o espaço com uma estrutura anti-choque capaz de suportar o embate de um camião com um peso até 40 toneladas .

"É muito compreensível, tendo em conta o que aconteceu. Foi bom ver que fizeram um memorial para as pessoas que foram assassinadas. Apreciamos a segurança, toda a gente odeia ver uma coisa destas aconte4cer, na época do Natal, e é muito comovente ”, diz um turista irlandês.

Para outra visitante, o objetivo é divertir-se sem medo neste mercado. Uma mensagem que fez questão de passar às crianças, para, conforme afirma, o espírito natalício possa voltar

"O ano passado foi o nosso melhor ano. E acho que, se o tempo estiver bom, vamos vender bem este ano, outra vez. Acho que este mercado de Natal é o mais seguro do mundo". afirma um vendedor.

As pesadas medidas de segurança fazem-se sentir, mas não afastaram os visitantes. O jornal Berliner Kurier chegou mesmo a apelidar o mercado de Breitscheidplatz de "Fort Glühwein", que significa "forte do vinho quente".