Recuperar um ecossistema perdido

Recuperar um ecossistema perdido
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

No Markermeer, Holanda, um dos maiores lagos de água doce da Europa, lugar onde um dia o peixe abundou, recupera-se daquilo que já foi um autêntico lamaçal. A esperança reside num novo arquipélago artificial.

PUBLICIDADE

No Markermeer, um dos maiores lagos de água doce da Europa, lugar onde um dia o peixe abundou, recupera-se daquilo que já foi um autêntico lamaçal, 700 quilómetros quadrados sem vida. A esperança reside num novo arquipélago artificial.

Com cinco novas ilhas, e um projeto ambicioso, espera-se recuperar dos estragos. Uma das maiores operações de recuperação da natureza no continente europeu.

Este lago fazia parte do Zuiderzee, um braço de água salgada do Mar do Norte, construído em 1932. Um ecossistema, significativamente, afetado nas últimas décadas após a construção de um dique. Os sedimentos, que eram levados pelas correntes, começaram a acumular-se no fundo do lago, tornando a água turva e tendo um impacto negativo nas populações de peixes e aves, plantas e moluscos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Baía que ficou famosa em filme de Leonardo di Caprio volta a abrir aos turistas

Robert Habeck, vice-chanceler da Alemanha: A Europa deve afirmar-se e ser capaz de defender-se

"Tratorada" voltou ao centro de Madrid